Projeto, instalação e manutenção de mangotinhos

Somo uma empresa especializada em projeto, instalação e manutenção de sistemas de mangotinhos. Nosso propósito com esse conteúdo é informá-los sobre o funcionamento e a importância dos mangotinhos para a prevenção e combate a incêndio.

Quais as diferenças entre o sistema de hidrantes e o sistema de mangotinhos?

No hidrante você precisa fazer conexões de acessórios, como mangueiras, esguichos e chave storz.

A mangueira do hidrante tem um diâmetro maior, mais vazão de água e precisa ser desenrolada manualmente. É recomendado que você tenha no mínimo duas pessoas para manusear.

Com tudo isso seu tempo de resposta ao combate a um incêndio é mais lento comparado ao sistema de mangotinhos.

No sistema de mangotinhos, a mangueira é semirrígida e tem um diâmetro e uma vazão de água menor do que os hidrantes, todos os acessórios já estão conectados.

A mangueira semirrígida e acessórios destinados ao sistema de mangotinhos deve atender às condições da NBR 16642.

A mangueira do mangotinho é semelhante a mangueira de uma bomba de um posto de gasolina. Ela fica enrolada em um carretel axial e precisa de apenas uma pessoa para manuseá-la.

Com o sistema de magotinhos basta você pegar a mangueira e sair puxando, pois todos os acessórios já ficam acoplados o que deixa o tempo de resposta mais rápido.

O Sistema de mangotinho é considerado TIPO 1 segundo a IT-22 do Corpo de Bombeiros.

Mangotinhos

Componentes que cada sistema de mangotinhos deve ter:

  • Abrigo;
  • Esguicho;
  • Mangueira semi-rígida.

As mangueiras semi-rígidas para rede de mangotinhos deve seguir esses parâmetros:

  • Esguicho Regulável;
  • *Diâmetro (mm): 25 ou 32;
  • Comprimento máximo (m): 30;
  • No máximo (01) saída;
  • **Vazão L/min: 80 ou 100.

Observação: *Os diâmetros os esguichos e das mangueiras são nominais. **As vazões correspondem a cada saída.

Leia também:  Entenda como Instalar o Sistema de Detecção e Alarme de Incêndio

Mangotinhos – Dimensionamento do sistema

O dimensionamento do sistema de mangotinhos deve ser feito de uma maneira que qualquer parte da área protegida seja alcançado por um esguicho (tipo 1).

No dimensionamento da rede de mangotinhos deve conter o caminho completo das tubulações, os diâmetros dos tubos e acessórios. Todos os detalhes dos suportes.

Distribuição dos mangotinhos

A distribuição dos mangotinhos devem ser realizadas conforme especificações abaixo:

  • Próximo a portas externas, escadas e/ou acesso principal a ser protegido, a não mais de 5 metros;
  • Em posições centrais nas áreas protegidas, devendo atender ao item anterior obrigatoriamente;
  • Fora das escadas ou antecâmaras de fumaça;
  • Distância de 1,0 a 1,5 metros do piso.

Projeto do sistema de mangotinhos

O Projeto do sistema de mangotinhos deve ser realizado por uma empresa especializada em prevenção e combate a incêndio para evitar futuros problemas junto a aprovação do projeto ao Corpo de Bombeiros.

O Projeto de Mangotinho é feito de acordo com a aplicabilidade do sistema.

O projeto da rede de mangotinhos precisar considerar os seguintes pontos:

Sistema de mangotinhos

Instalação do sistema de mangotinho

Nossa rede de mangotinho é instalada por encanadores especialistas em sistemas de incêndio seguindo o processo abaixo:

  • Avaliação de risco do local;
  • Detalhe e design de equipamentos e posicionamento estratégico;
  • Instalação do sistema de mangotinho;
  • Treinamento para brigadistas seguindo os padrões brasileiros;
  • Manutenção e testes contínuos;

Manutenção do sistema de mangotinhos

Tão importante quando a instalação, é a manutenção do sistema para certificar-se que o mangotinho esteja perfeitamente funcional no momento de um princípio de incêndio.

Leia também:  Instalação e manutenção da rede de hidrantes

A manutenção da rede de mangotinhos é literalmente uma proposta de vida ou morte.

Os mangotinhos de incêndio devem estar sempre operacionais e capazes de fornecer proteção adequada contra incêndio, portanto, a manutenção e a inspeção sistemáticas são vitais.

Cada inspeção de mangotinho deve ser documentada e os problemas devem ser relatados imediatamente.

Os reparos dos mangotinhos devem ser programados para serem feitos de forma proativa em vez de reativa, e os problemas podem ser resolvidos antes que se tornem catastróficos.

É de extrema importância manter a manutenção da rede de mangotinho em dia e todos os outros componentes que fazem parte do sistema de prevenção e combate a incêndio, como os listados abaixo:

06 (seis) casos onde não é necessário a instalação do sistema de mangotinhos?

Segue abaixo casos de isenção do sistema de magotinhos:

  • Locais exclusivamente destinados a processos industriais carga de incêndio igual ou inferior a 200 MJ/m²;
  • Armazéns de materiais incombustíveis. Exemplo.: metais, cal, cimento, cerâmica, desde que a carga de incêndio nas edificações e áreas de risco, não ultrapasse 100 MJ/m²;
  • Locais exclusivos para atividades esportivas, como: Ginásios poliesportivos e piscinas cobertas;
  • Projeto de combate a incêndio que não ultrapasse 750 m²;
  • Edículas, mezaninos, escritórios em andar superior, porão e subsolo de até 200 m²;
  • Zeladorias, localizadas nas coberturas de edifícios, com área inferior a 70 m².

Placa de sinalização de mangotinho

Segue abaixo uma imagem da placa de sinalização de um mangotinho:

Magotinho - Placa de Sinalização

Caso você necessite de um projeto, instalação ou manutenção do sistema de magotinhos em sua construção, a A5S Laudos e Engenharia pode te ajudar, pois somos uma empresa especializada no setor de prevenção e combate a incêndio.

Leia também:  Controle de Fumaça em Edificações

Contamos com profissionais qualificados que estão à disposição para atender a sua demanda.

Caso tenha interesse em conhecer como funciona o orgão responsável por combate a incêndio nos U.S.A. Acesse: NFPA (National Fire Protection Association).